Seguidores

neobux

clixsense

quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Informações Importantes Para Cortar e Montar a Sua Peça de Roupa.


Como medir seu tamanho

O primeiro passo para fazer a roupa escolhida é saber qual é o seu manequim. Para isso, comece tirando as suas medidas. Você deve ficar em frente a um espelho ou pedir a ajuda de alguém para que a fita métrica fique retinha e não altere o resultado. Comece amarrando um barbante na cintura e siga as orientações do desenho ao lado. Confronte as medidas obtidas com as da tabela abaixo. Nunca faça comparações com as medidas do molde. Faça os ajustes necessários na peça.
Como medir seu tamanho
A. Busto
Passe a fita métrica ao redor da parte mais saliente do busto ou tórax e das costas, nas omoplatas.
B. Cintura
Envolva a cintura com a fita métrica.
C. Quadris
Contorne a parte mais saliente, na altura das nádegas.
D. Comprimento da blusa
Meça a distância da parte mais alta do ombro, na base do pescoço, até a cintura.
E. Largura das costas
Esta medida só é importante para costas largas demais ou muito estreitas; com os braços cruzados na frente, meça, nas costas, a distância entre as axilas.
F. Largura do braço
Passe a fita ao redor da parte mais larga do braço.
G. Ombro
Meça, a partir da base do pescoço até o limite, a junção do braço.
Medindo o cavalo
Para medir corretamente o cavalo da calça, você precisa marcar a cintura com um barbante. Em seguida, sente-se com a coluna ereta e meça exatamente a distância entre a cintura e o apoio da cadeira.
Grade de tamanhos
Grade de tamanhos

Como tirar moldes

Moldes
1. Veja nas 
explicações do 
modelo o tamanho 
do molde 
que você escolheu
 e como é o seu
 traçado (cada 
tamanho tem um
 tipo de traçado 
diferente) para
 localizá-lo 
na folha de molde.
Moldes
2. Contorne
 o desenho
 de todas as
 partes da peça 
escolhida com
 uma caneta ou 
lápis de cor contrastante.
 Marque
 também todas as 
indicações internas,
 principalmente 
os números menores,
que serão utilizados na montagem.
Moldes
3. Copie cada peça 
e as indicações 
internas em um
 papel transparente.
 Se preferir,
 transfira os
 desenhos 
para um papel
 do tipo
 kraft. Outra 
opção é
 copiar os
 desenhos colocando 
o papel kraft sob 
um papel-carbono 
e, sobre eles, a 
folha de 
molde. Contorne os desenhos
 com um rolete.
 

Como ler as marcações internas


Marcações internas
1. Abertura

O pequeno traço vertical interrompendo uma das

 extremidades indica o
 limite da abertura.

2. Aumento de molde

Seguindo a direção

 indicada pela seta,
 aumente
 a partir do ponto 
apoiando uma régua
 sobre a
 linha do molde. A medida em centímetros é 
dada na própria linha.

3. Botão

Círculo com uma cruz no centro, onde

 deverá ser preso o botão ou a pressão depois da prova.

4. Caseado

Indica o lugar onde se deve fazer a casa do botão.

5. Distender

Quer dizer esticar o tecido no trecho indicado com o 

ferro de passar.

6. Dobra do tecido

Indica que a peça não possui costura no meio.

 Deve-se dobrar o tecido, colocar essa linha 
sobre a dobra, riscar e cortar, obtendo uma peça inteira.
Marcações internas
1. Embeber

Significa fazer

 uma suave diminuição 
antes da costura.

2. Fio do tecido

Sempre paralelo à

 ourela do tecido, esse 
io serve para
 orientar a posição
 da peça em relação
 ao tecido.

3. Franzir

Significa que aquele trecho deve ser reduzido.

4. Linha-guia

Usada em tecidos listrados ou xadrezes para

 orientar na montagem, de modo a fazer com que
 os motivos coincidam.

5. Nó de montagem

São os pequenos números encontrados nos

 cantos das peças. Eles devem coincidir na costura.

6. Peça dividida

Quando, na Folha de Moldes, a peça for dividida

 em uma ou mais partes, o molde estará cortado
 por uma linha reta com letras nas extremidades
. Ao unir as letras iguais, você obterá uma peça 
inteira no papel. Tenha muito cuidado ao unir as
 peças, para evitar que elas fiquem tortas.
Dicas:
· A medida do comprimento varia conforme a peça. 
Para blazers, comece a partir do ombro, na base do
 pescoço, até o ponto desejado. Saias e calças, 
estenda a fita na lateral da cintura até a altura desejada.
 As medidas das mangas variam de acordo com a peça.
 O melhor é fazer uma prova envolvendo o braço com o 
molde de papel e realizar os ajustes necessários.

· Se você não tem muita prática com a costura, 

antes de cortar no tecido definitivo, faça uma prova
 em um forro para testar as marcações e fazer todos
 os ajustes necessários.

· Caso alguma peça esteja dividida em uma 

ou mais partes na folha de molde, una todas 
as partes antes de cortar o tecido, formando uma peça inteira no papel.


1. Coloque as peças do molde sobre o avesso do tecido,

 baseando-se no plano de corte que está na receita. 

Prenda os moldes no tecido com alfinetes.


Como cortar o tecido


2. O contorno do molde corresponde à linha da

 costura, portanto, deixe as seguintes folgas 
para as costuras: 2 cm nas laterais, 1 cm a 1,50
 cm nas cavas, no decote e nos recortes, 4 cm nas
 bainhas feitas à mão e 1 cm a 2 cm para as bainhas 
feitas à máquina.

3. Contorne cada desenho com giz de alfaiate. 

Faça dois riscos, um bem rente ao molde e outro 
com as folgas na costura, de acordo com as medidas 
acima. É nele que você vai cortar o tecido.

4. Corte as peças com o fio paralelo à ourela, que é

 a extremidade mais grossa do tecido.



Como fazer a montagem

1. Monte a entretela se o modelo pedir.
2. Junte as peças, direito sobre direito, seguindo

 à risca a numeração de montagem.

3. Se você não é experiente, alinhave todas as

 peças antes de fazer a costura à máquina.

4. Após provar e costurar, faça piques, corte o 

excesso de tecido e chuleie.

5. Para que a sua roupa tenha um acabamento

 impecável, todas as costuras devem ser batidas a ferro,
 seja ao revirar a peça, avesso sobre avesso, seja para 
abrir a costura.

6. Sempre que revirar a peça para o avesso, prenda-a

 com alinhavos.

Como alongar a malha ou tecido strech


Alongando a malha
1. Dobre o tecido no 
sentido do alongamento
 (na trama do tecido).
 Marque um trecho de 
10 cm 
com alfinetes.

2. Coloque o alfinete 

da direita no início da
 régua.
 Com a mão esquerda, 
estique a dobra ao 
máximo e veja onde
 parou. Cada 1 cm acima de 10 cm representa 10% de 
elasticidade a mais (se o tecido chegou a 12 cm, diz- 
se que o percentual é igual a 20%).

3. Antes do corte, deixe o tecido ou a malha “descansar” 

(para soltar a tensão dos fios da malha) por 12 horas
 sobre uma mesa, fazendo algumas dobras, no sentido 
do alongamento do tecido, como mostra a figura.
ótima Quarta - Feira p vc!!!
Um grande abraço!!

Conteúdo: MANEQUIM

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bem Vindos!! Deixe seu recadinho!!!